12 Tipos de Neve para Ski

12 Tipos de Neve para Ski

12 Tipos de Neve para a prática de Ski e Snowboard

 

Você sabe quais são os diferentes tipos de neve? Sabe diferenciá-las? Veja aqui, um rápido guia para te ajudar:

1) MAN MADE SNOW:  Neve artificial , feita pelos ski resorts, para oferecer uma cobertura maior nas pistas em períodos de pouca neve. Há diversos mecanismos para se fazer neve artificial. Hoje em dia a qualidade é bem melhor se comparada com antigamente, mas ainda assim pode-se sentir uma textura diferente em neve artificial.

ManMadeSnowBlog

Snow making machine – canhões de neve artificial

2) POWDER: Neve recém caída, fresca. É o sonho de todo esquiador ou snowboarder mais experiente. Quanto mais neve acumulada ao longo do dia (ou de alguns dias), melhor! Em dias de powder, em geral, há uma correria muito grande para ver quem pega as primeiras cadeiras dos chair lifts. Quem chegar primeiro nas pistas terá a chance de andar em neve virgem (untouched snow), sem marca alguma. Uma sensação incrível que justifica toda a antecipação e correria.

neve tipo powder

Powder snow – neve recém caída , neve tipo powder

3) CHOPPED POWDER : Neve recém caída , mas sem estar virgem. Nesse caso é neve fresca que vários esquiadores e snowboarders já passaram por cima, deixando suas marcas (tracks). Também bom para andar, mas já é um tipo de condição que exige muito das pernas para amortecer as irregularidades do terreno. Powder day para quem foi preguiçoso e acordou tarde…

ChoppedPowderBlog

chopped powder : powder marcado, tracked out powder

4)  CHAMPAGNE POWDER –  Neve recém caída, extremamente seca. Quanto menos umidade na neve, mais leve ela fica. E quanto mais leve, melhor para esquiadores e snowboarders experientes. Champagne Powder surgiu em Steamboat para descrever a neve da região como um nível de qualidade acima do restante da região (Colorado, Utah, Wyoming). O ski resort de Steamboat registrou a marca Champagne Powder.

Champagne Powder - Powder tipo Champagne - regíão de Steamboat / Colorado

Champagne Powder: Powder tipo Champagne, da regíão de Steamboat (Colorado, EUA)

5) PACKED POWDER  – Neve recém caída que teve máquinas (snowcats), passando por cima. Uma boa qualidade de neve, excelente para andar rápido e para iniciantes aprenderem.

6) ICY – Gelo!! É o tipo de condição menos desejada por todos. Difícil de andar e também perigoso em caso de quedas, pois o terreno fica muito duro. Normalmente essa condição ocorre após muitos dias sem neve e alguns momentos de temperatura alta. Esse processo de derretimento e recongelamento é que ocasiona tal condição. Em dias como esse é muito importante ter as lâminas (edges) afiados em skis e snowboards. Também é um tipo de condição não recomendado para iniciantes aprenderam.

Icy Snow - neve tipo gelo / congelada

Icy Snow:  neve tipo gelo / congelada

7) CORN  – A tradução literal é “milho”. É uma tentativa de descrever um tipo de neve com textura granulada, mais comum durante a primavera.

corn snow - neve formato de milho - típica de primavera

Corn snow:  neve formato de milho – típica de primavera

8) CRUD – É o termo utilizado para descrever uma variedade de tipos que não permitem o acesso de esquiadores e snowboarders. Quando escutar que o tipo de terreno é “crud”, a melhor opção é evitar e buscar outro segmento da montanha para andar.

crud snow - terreno intransitável

Crud snow:  terreno intransitável, irregular e congelado

9) SLUSH – Quando a neve começa a derreter. É uma condição que ocorre mais em finais de temporada, quando o inverno transita para primavera. Em alguns momentos a neve derrete tanto, formando grandes poças de água no meio da pista. Quando a noite chega, as temperaturas caem, a neve recongela e o processo começa de novo pela manhã.

slushy snow - neve molhada em derretimento - típica de dias quentes

Slushy snow: neve molhada em derretimento – típica de dias quentes

10) CORNICE  – É um acúmulo de neve produzida pelo vento, formando estruturas que ficam penduradas no topo da montanha ou perto de cliffs (penhascos). Quando o acúmulo é muito grande se torna perigoso e um potencial precipitador de avalanches.

cornice - perigosa formação decorrente de vento e acumulo de neve

Cornice: perigosa formação decorrente de vento e acumulo de neve

11) CRUST  – Uma camada de neve dura no topo, com uma camada mais macia por baixo. Há três tipos de crust: a) com a superfície dura ao ponto de não quebrar, b) com uma superfície muito macia e a última, c) seria intermediária, quando a superfície quebra no momento em que um esquiador ou snowboarder passa por cima (esse é melhor tipo).

crust snow - duas camadas e texturas diferentes

Crust snow:  duas camadas e texturas diferentes

12) DUST OVER THE CRUST – Quando um pouco de neve cai ou é empurrada pelo vento sobre uma superfície dura. Visualmente parece um terreno com excelentes condições, mas ao passar por cima, fica evidente que é só uma fina camada sobre um terreno duro e não muito legal para andar.

dust over the crust snow - fina camada boa sobre um terreno duro e irregular

Dust over the crust snow : fina camada boa sobre um terreno duro e irregular

 

Aqui citamos os tipos de neve mais relevantes para a prática de ski e snowboard e os mais conhecidos, na maioria dos ski resorts. Claro, que sempre haverá outros tipos de neve, e talvez chamados de outra forma, dependendo do ski resort, país ou região.

Por: Alan Oppenheimer

 

Veja também os termos no snowboard utilizados na prática e dicas para sua snowtrip, por Isabel Clark.

Compartilhe: Facebook Twitter Pinterest Google Plus StumbleUpon Reddit RSS Email

Notícias relacionadas